quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Cientistas identificam nova espécie de golfinho

Imagens mostram animais da nova espécie de golfinho identificada.
Um grupo de pesquisadores de diversas instituições internacionais analisou características físicas e genéticas de dezenas de espécimes de golfinho e concluiu que uma variedade que vive no Oceano Pacífico, ao norte da Austrália é uma nova espécie.

O trabalho, publicado na revista “Molecular Ecology” explica que, com isso, o gênero Sousa fica com quatro espécies. Já eram conhecidas as espécies Sousa teuszii, que ocorre no Oceano Atlântico, a oeste da África; Sousa plumbea, que vive no Oceano Índico central e ocidental; e Sousa chinensis, que habita o Índico oriental e o Pacífico ocidental. E agora soma-se a elas a nova variedade identificada ao Norte da Austrália, que ainda não tem nome.

Para propor a existência da nova espécie, os cientistas analisaram 180 crânios e 235 amostras de tecidos de golfinhos.
Ambiente Brasil

"Deus seja louvado" nas notas do real

 




Últimas charges

Bachelet promete que governará com caras novas


Michelle Bachelet é a atual candidata à liderança do Chile.
Santiago (AFP) - A ex-presidente socialista e grande favorita para vencer a eleição presidencial de 17 de novembro no Chile, Michelle Bachelet, afirmou que se vencer a disputa governará com rostos novos.

"Pretendo que ninguém repita o prato", afirmou Bachelet na noite de quarta-feira, no segundo dia de um debate televisionado no qual enfrentou outros oito candidatos que disputam a presidência chilena.

Nesta eleição, Bachelet é apoiada pela coalizão ´Nueva Mayoría´, uma extensão da ´Concertación Democrática´, a aliança de partidos de centro-esquerda que a apoiou em seu governo anterior (2006-2010) e à qual agora se somou o Partido Comunista.

A Concertación governou consecutivamente por duas décadas o Chile após o fim da ditadura de Augusto Pinochet (1973-1990) até o triunfo do direitista Sebastián Piñera, em 2010.

A ex-presidente também pediu que votem pela lista parlamentar de sua coalizão para garantir as reformas que pretende impulsionar.

"Convoco a votar por um Parlamento que possa ajudar a produzir as mudanças que o Chile precisa", afirmou Bachelet, que prometeu colocar em andamento uma profunda reforma educacional, uma tributária e uma mudança na Constituição vigente herdada da ditadura.

Uma última pesquisa do Centro de Estudos Públicos (CEP), um dos mais prestigiados do país, apontou Bachelet com 47% das intenções de votos, concluindo que pode vencer no primeiro turno, considerando a margem de erro da pesquisa de 5%.

Outra pesquisa do IPSOS afirmou que Bachelet reunia 36% das intenções de votos.
AFP

Katy Perry lidera parada Billboard com álbum 'Prism'

Álbum de Katy Perry se beneficiou do sucesso da faixa 'Roar'
Por Piya Sinha-Roy

A venda de álbuns nos EUA na última semana atingiu seu menor nível desde que a revista Billboard começou a publicar uma lista sobre isso, em 1999, ficando em 4,5 milhões de unidades.

As vendas de álbuns físicos e digitais neste ano têm sido sistematicamente inferiores às do ano passado, em parte porque os ouvintes estão encontrando novas plataformas digitais para consumir música, muitas delas gratuitas.
No período de uma semana encerrado em 27 de outubro, a liderança ficou com o novo álbum de Katy Perry, "Prism", que vendeu 286 mil cópias, segundo dados da Nielsen SoundScan. O álbum se beneficiou do sucesso da faixa "Roar", que lidera a lista de singles Billboard Hot 100.
Outros estreantes na lista Billboard 200 nesta semana incluem o EP "Better Together", da banda feminina Fifth Harmony, em sexto lugar; "Suffering From Sucess", do DJ Khaled, em sétimo; e "Burials", do AFI, em nono.
Reuters

R$ 167 mil gastos em curso de Gestão e Liderança, sem licitação

Matéria publicada originalmente pelo Portal Contas Abertas, entidade da sociedade civil, sem fins lucrativos, que reúne pessoas físicas e jurídicas, lideranças sociais, empresários, estudantes, jornalistas, bem como quaisquer interessados em conhecer e contribuir para o aprimoramento do dispêndio público, notadamente quanto à qualidade, à prioridade e à legalidade.

Contrato firmado com Amana-Key não passou por licitação.
A Presidência da República comprometeu no orçamento R$ 167 mil para a contratação de workshop de 16 horas sobre Gestão e Liderança, será oferecido a 40 servidores do órgão, entre os dias 11 e 12 de novembro. O curso será ministrado pela Amana-Key, empresa de consultoria e educação executiva especializada nas áreas de gestão, estratégia e liderança de organizações complexas.

De acordo com a Presidência, o workshop faz parte da Programação de Capacitação e Desenvolvimento da Presidência da República de 2013, dentro do Projeto Desenvolvimento da Liderança para a Melhoria da Gestão. A ação visa fortalecer o perfil de liderança dos gestores responsáveis pela elaboração e execução de ações estratégicas, contribuindo para o desenvolvimento institucional e o fortalecimento da gestão.

Ainda segundo a Pasta, o curso atenderá a servidores ocupantes de cargos de direção superior e assessoria no nível de DAS 4 e superiores da Secretaria-Geral, Casa Civil, Gabinete de Segurança Institucional e Secretaria de Relações Institucionais. “O critério de seleção desses servidores está relacionado ao gerenciamento de equipes e liderança de projetos e programas de cunho estratégico para a Presidência da República”, afirma nota.

O contrato firmado com a Amana-Key, ao custo de R$ 4.175 por participante, não passou por licitação. A empresa foi enquadrada no parágrafo II, do Art. 25 da Lei de Licitações, que prevê a inexigibilidade de licitação quando houver inviabilidade de competição, em especial para a contratação de serviços técnicos de natureza singular, com profissionais ou empresas de notória especialização.

Segundo a Presidência, a escolha da Amana-Key é fruto de prospecção junto ao mercado de métodos de desenvolvimento da alta-liderança. “Após detalhadas buscas nas Escolas de Governo e no mercado, a escolha recaiu na Amana-Key em função de sua notória especialidade e da convergência do seu trabalho e expertise, que será, ainda, customizada para atender à especificidade de objetivos e resultados buscados”, explica nota.

De acordo com o órgão, a empresa apresentou todos os documentos e certidões comprobatórias de suas qualificações e exclusividade metodológica na condução do curso. “Também foram juntados comprovantes que justificam o valor da contratação, compatível com o mercado”, completa a Pasta.

O Contas Abertas entrou em contato com empresas especializadas no fornecimento de cursos e workshops ligados a gestão e liderança para saber se o preço praticado pela Amana-Key é justo em relação ao cobrado pelo mercado.

De acordo com Lucas Fernandes, gestor de negócios corporativos do Portal Educação, empresa de e-learning do Brasil, o valor cobrado pela Amana-Key é exorbitante. Um curso de Gestão e Liderança online de 80 horas, ministrado pelo Portal Educação para 40 pessoas, sai por R$ 8.268,80, preço 20 vezes inferior ao que será pago pela Presidência.

Mesmo se comparado com workshops presenciais, o preço continua bem mais alto que o cobrado pelas empresas do setor. A Sociedade de Engenheiros de Mobilidade (SAE Brasil) ofereceu curso de dois dias com o tema Liderança e Gestão de Pessoas ao custo de R$ 990 por participante em setembro.

A Corporativa Brasil realiza curso de um dia com o tema “Liderança Focada na Gestão de Pessoas” em São Paulo por R$ 490 por pessoa. Ainda é possível encontrar o serviço por preços inferiores. O curso de 15 horas, “Gestão de Pessoas e Liderança”, oferecido pela entidade de classe CDL/BH é ministrado por R$ 325 por pessoa.
Contas Abertas

Adriano falta ao treino do Flamengo


 

Victor e Jô são convocado; Robinho volta à Seleção

Victor foi mais uma vez convocado para a Seleção Brasileira.
RIO DE JANEIRO, 31 Out - O atacante Robinho voltou à seleção brasileira na convocação realizada nesta quinta-feira pelo técnico Luiz Felipe Scolari para os amistosos de novembro contra Chile e Honduras, enquanto Lucas e Alexandre Pato ficaram fora da lista.
Robinho, do Milan, não fez parte dos planos do treinador nos últimos jogos do Brasil e ficou de fora da equipe que conquistou o título da Copa das Confederações, em junho, mas ganhou uma oportunidade após o corte de Diego Costa, que optou por defender a Espanha em detrimento à convocação antecipada para defender o Brasil nas próximas partidas.
Diego Costa, de 25 anos e nascido em Sergipe, anunciou na terça-feira a decisão de jogar pela Espanha, apesar de já ter realizado dois amistosos pela seleção brasileira este ano. Segundo ele, a Espanha foi onde conquistou tudo que o que conseguiu na vida.
A escolha gerou uma reação firme de Felipão, que desconvocou o atacante alegando que "um jogador brasileiro que se recusa a vestir a camisa da seleção brasileira e a disputar uma Copa do Mundo no seu país... está dando as costas para um sonho de milhões."
Além de Robinho, outra surpresa na lista de Felipão foi o meia Willian, do Chelsea, que terá uma primeira oportunidade de defender o Brasil sob comando do treinador. Já Lucas e Pato, que tiverem rendimento abaixo do esperado no amistoso deste mês contra Zâmbia, perderam espaço com o treinador.
A seleção brasileira enfrenta Honduras, no dia 16, em Miami, e joga três dias depois contra o Chile, em Toronto, no Canadá.
O Brasil disputou este ano 17 jogos, com 11 vitórias, 4 empates e 2 derrotas. A equipe sagrou-se campeã da Copa das Confederações derrotando a campeã mundial Espanha na decisão, por 3 x 0, no Maracanã.
Veja a lista de convocados:
Goleiros: Julio Cesar (Queens Park Rangers) e Victor (Atlético)
Laterais: Daniel Alves (Barcelona), Maicon (Roma), Marcelo (Real Madrid) e Maxwell (PSG)
Zagueiros: David Luiz (Chelsea), Dante (Bayern de Munique), Thiago Silva e Marquinhos (ambos do PSG)
Meio-campistas: Lucas Leiva (Liverpool), Hernanes (Lazio), Luiz Gustavo (Wolfsburg), Paulinho (Tottenham), Ramires, Oscar e Willian (os três do Chelsea)
Atacantes: Jô (Atético), Robinho (Milan), Hulk (Zenit), Bernard (Shakhtar Donetsk) e Neymar (Barcelona)
Reuters

Missionários brasileiros que atuam na Europa encontram-se na Bélgica

CNBB
Com a finalidade de partilhar experiências a partir da realidade dos migrantes e missionários brasileiros que vivem no continente europeu, aconteceu o 1º Encontro de Missionários Brasileiros que atuam na Europa. O evento ocorreu em Bruxelas, Bélgica, de 21 a 23 de outubro, e foi organizado pelo padre José Mario Ribeiro e a equipe de leigos e religiosas, com o apoio da Pastoral dos Brasileiros no Exterior (PBE).
O bispo de Caxias do Sul (RS) e referencial da PBE, dom Alessandro Ruffinoni, acompanhou o encontro e agradeceu aos missionários pelo trabalho desenvolvido na Europa. "A Igreja do Brasil sente-se orgulhosa por estes filhos e filhas que dedicam o seu ardor missionário para o bem dos migrantes", disse.
De acordo com dom Ruffinoni, participaram da reunião 33 pessoas entre padres, religiosas e leigos vindos da Bélgica, Alemanha, Suíça, Holanda, Inglaterra e Portugal. Também estiveram presentes o bispo auxiliar e o bispo emérito de Bruxelas, respectivamente, dom Jean Kockerol e dom Jean De Bie; o encarregado das comunidades de origem estrangeira, padre Eric Vancraeynest.
No encontro, dom Jean Kockerol falou da importância dos migrantes na Igreja belga, que acolhe mais de 144 nacionalidades diferentes. Segundo o bispo, esta diversidade de povos enriquece e dá vida às comunidades locais. "A Igreja belga aceita e está aberta à inculturação e vê nas comunidades estrangeiras uma bênção para a Igreja local", acrescentou.
Já o padre Eric pediu aos missionários "para que não se formem guetos e ajudem os migrantes a se integrarem com a comunidade local".
Dom Ruffinoni disse que este foi o primeiro encontro, mas que permanece o desejo de continuar. "Nós sentimos que precisamos nos conhecer melhor e nos encontrar para, juntos, nos encorajar e descobrir novos métodos de servir os irmãos migrantes", concluiu.
O segundo encontro de missionários brasileiros na Europa irá acontecer em Vallendar, Alemanha, de 10 a 13 de novembro de 2014.
Fonte: www.cnbb.org.br

Associação propõe voluntariado em Portugal e no estrangeiro

Os jovens interessados em fazer voluntariado em Portugal durante os fins de semana ou nas férias, ou que pretendam partir em missão para outro país têm no projeto «Voluntariado Passionista» uma oportunidade. «As missões internacionais têm-se localizado em Angola mas poderão estender-se a outros países já no próximo verão, nomeadamente a Moçambique», explicam os responsáveis pelo projeto, num comunicado enviado à FÁTIMA MISSIONÁRIA.


Os jovens interessados em fazer qualquer uma destas missões deverão integrar o grupo, em Santa Maria da Feira ou em Barroselas (Viana do Castelo), para que aí possam frequentar as formações e envolverem-se na angariação de fundos. A primeira formação vai realizar-se de 15 a 17 de novembro, e estão previstas mais cinco, até maio. Além disso, vão realizar-se reuniões quinzenais em Santa Maria da Feira e em Barroselas, no Seminário dos Missionários Passionistas. 

Para já, as inscrições estão abertas, sendo que a «frequência da formação não implica qualquer compromisso, sendo encarada como um período de descoberta e integração para os novos voluntários». O grupo «Voluntariado Passionista» é uma iniciativa da associação «Rosto Solidário», reconhecida como Organização Não Governamental para o Desenvolvimento, que tem por missão contribuir para o desenvolvimento social e humano das comunidades locais e para uma cidadania global e solidária.


Fátima Missionária

Um ano depois de um rasto de destruição

Os americanos assinalaram o primeiro aniversário da passagem do furacão «Sandy», esta terça-feira, por todo o nordeste dos Estados Unidos, particularmente em Nova Iorque, onde a tempestade devastadora causou mais de 18 mil milhões de dólares (13 milhões de euros) de prejuízos para a cidade.

Heraldo Muñoz, diretor do gabinete para a América Latina e Caribe do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), apelou aos nova-iorquinos para não esquecerem que os EUA foram a última etapa na «digressão» destruidora do «Sandy» – e que deixou nesse rasto de destruição muitas vítimas.

«O ‘Sandy’ foi um dos maiores furacões de que há registo no oceano Atlântico, atingindo Bahamas, Cuba, República Dominicana, Jamaica e outros países antes de finalmente chegar à costa leste dos EUA», recordou Muñoz, num editorial publicado pela edição online americana da Aljazeera, para notar que o sofrimento das pessoas nestes países caribenhos em desenvolvimento pode ter sido subestimado.


Fátima Missionária

Não se pode ser cristão sem o amor de Cristo, lembra Papa


Celebrando na Basílica de São Pedro, Francisco centrou a homilia no amor de Cristo, base da vida do cristão
Da Redação, com Rádio Vaticano em italiano
O verdadeiro cristão não evita a Cruz, diz Papa em homiliaNa manhã desta quinta-feira, 31, Papa Francisco celebrou a Missa na Basílica de São Pedro, no altar onde se encontra o túmulo do Beato João Paulo II. O Papa comentou as leituras do dia: a carta de São Paulo aos Romanos, na qual o apóstolo fala de seu amor por Cristo, e o trecho do Evangelho de São Lucas, no qual Jesus chora sobre Jerusalém que não entendeu ser amada por Ele.
O Pontífice partiu da certeza de Paulo ao falar de seu amor por Cristo. Deus havia mudado a vida do apóstolo, que passou a colocá-Lo no centro de sua vida, tendo Jesus como referência para tudo.
“Sem o amor de Cristo, sem viver deste amor, reconhecê-lo, nutrir-nos daquele amor, não se pode ser cristão: o cristão, aquele que se sente olhado pelo Senhor, com aquele olhar tão belo, amado pelo Senhor e amado até o fim. O cristão sente que a sua vida foi salva pelo sangue de Cristo. E isto faz o amor: esta relação de amor”.
Por outro lado, o Evangelho do dia traz a imagem da tristeza de Jesus quando vê que Jerusalém não entendeu o seu amor, amor que Cristo compara ao de uma galinha que quer reunir os pintinhos sob suas asas. Essa falta de entendimento é justamente o contrário do que sentia Paulo.
“Sim, Deus me ama, Deus nos ama, mas é algo abstrato, é algo que não me toca o coração e eu me arranjo na vida como posso. Não há fidelidade ali. E o choro do coração de Jesus para Jerusalém é este: ‘Jerusalém, tu não és fiel; tu não te deixaste amar; e tu te confiaste a tantos ídolos, que te prometiam tudo, te diziam dar-te tudo, depois te abandonaram’. O coração de Jesus, o sofrimento do amor de Jesus: um amor não aceito, não recebido”.
O Papa convidou então a refletir sobre esses dois ícones: Paulo, que permanece fiel até o fim ao amor de Jesus e encontra nesse amor a força para seguir adiante, e, por outro lado, Jerusalém, o povo infiel, que não aceita o amor de Jesus, ou pior ainda, que vive este amor, mas pela metade, segundo as próprias conveniências.
“Olhemos para a fidelidade de Paulo e a infidelidade de Jerusalém e ao centro olhemos para Jesus, o seu coração, que nos ama tanto. O que podemos fazer? A pergunta: eu me pareço mais com Paulo ou com Jerusalém? O Senhor, por intercessão do Beato João Paulo II, ajude-nos a responder esta pergunta”, finalizou o Santo Padre.
Canção Nova

Reze pelas intenções do Papa neste mês de novembro

Kelen Galvan
Da Redação, com Apostolado de Oração


Arquivo news.va
Em novembro, Francisco pede orações pelos sacerdotes em dificuldades e pela missão continental
Nas intenções de oração para o mês de novembro, o Papa Francisco reza pelos sacerdotes em dificuldades e pela missão continental na América Latina.

O Santo Padre roga, em sua intenção geral, "para que os sacerdotes em dificuldades encontrem conforto no seu sofrimento, sustento nas suas dúvidas e confirmação na sua fidelidade".

E como intenção missionária, Francisco pede orações para "para que a Missão Continental tenha como fruto o envio de missionários da América Latina para outras Igrejas".

Todos os meses, o Pontífice confia seus pedidos ao Apostolado da Oração, uma iniciativa que é seguida por milhões de pessoas em todo mundo.

Canção Nova

EUA espionou Bergoglio durante o Conclave


A Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos (NSA) espionou as conversas telefônicas na Cidade do Vaticano e também as que ocorreram na residência onde se hospedou o cardeal argentino Jorge Bergoglio (foto), antes do Conclave que o elegeu Papa, segundo o próximo número do semanário italiano “Panorama”.

Segundo o semanário, que cita documentos que teriam sido acessados pelos ex-técnico da CIA, Edward Snowden, entre as 46 milhões de conversas telefônicas que se diz que a NSA interceptou na Itália, muitas delas se localizavam na Cidade do Vaticano.

O semanário “Panorama”, que adiantou uma parte da informação que publicará em seu número à venda na próxima sexta-feira, fala de um período de 10 de dezembro de 2012 a 8 de janeiro de 2013, mas “que se suspeita” que a espionagem continuou após ser conhecido o anúncio da renúncia ao pontificado do papa Bento XVI, que se efetivou no dia 28 de fevereiro.

O semanário de informação geral acrescenta que a espionagem ocorreu durante todo o Conclave para escolher o novo Papa.

EUA nega

A NSA, responsável pela espionagem eletrônica dos EUA, disse nesta quarta-feira que não espionou o Vaticano e considerou falsa a reportagem de uma revista italiana que acusou a agência de ter conduzido a atividade.

"A Agência de Segurança Nacional não alveja o Vaticano. Afirmações de que a NSA alvejou o Vaticano, publicadas na revista italiana Panorama, não são verdadeiras", afirmou a porta-voz da agência, Vanee Vines, em comunicado.

A revista informou nesta quarta-feira que a NSA escutou telefonemas do Vaticano, incluindo possivelmente quando o sucessor do ex-papa Bento 16 estava em discussão, mas a Santa Sé disse que não tinha conhecimento de qualquer atividade.

A Panorama afirmou que entre os 46 milhões de telefonemas acompanhados pela agência na Itália, de 10 de dezembro de 2012 a 08 de janeiro de 2013, estavam conversas de e para o Vaticano.

Em um comunicado à imprensa antes da publicação completa na quinta-feira, a Panorama afirmou que a "NSA grampeou o papa". A publicação não citou nenhuma fonte de suas informações.

Questionado sobre a reportagem, o porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, disse: "Nós não temos conhecimento de nada sobre esta questão e, em todo caso, não temos preocupação com isso."

Reportagens com base em revelações de Edward Snowden, ex-agente de inteligência dos EUA considerado fugitivo em seu país natal e que recebeu asilo na Rússia, disseram que a NSA espionou cidadãos franceses no mesmo período.

Angela Merkel 

Na semana passada, o governo alemão pareceu ter confirmado que o telefone celular da chanceler Angela Merkel foi monitorado por espiões norte-americanos. A questão também tem causado problemas de Washington com Brasil e China.

A Panorama disse que os telefonemas gravados do Vaticano foram catalogados pela NSA em quatro categorias: intenções de liderança, ameaças ao sistema financeiro, objetivos da política externa e direitos humanos.

Bento 16 renunciou em 28 de fevereiro e seu sucessor, o papa Francisco, foi eleito em 13 de março.

"Teme-se" que as chamadas telefônicas tenham sido ouvidas até o início do conclave que elegeu Francisco, o ex-cardeal argentino Jorge Mario Bergoglio, segundo a revista Panorama.

A revista informou que também havia a suspeita de que a residência de Roma, onde alguns cardeais viveram antes do conclave, incluindo o futuro papa, foi monitorada.
Reuters
Dom Total

A Igreja no Brasil não pode perder a Amazônia: a gratidão ao Papa Francisco


O programa de trabalhos desta quarta-feira, 30, no I Encontro da Igreja Católica na Amazônia Legal se encerrou com uma missa presidida por Dom Cláudio Hummes, Presidente da Comissão Episcopal para a Amazônia, e concelebrada por todos os bispos e sacerdotes participantes do Encontro, na Catedral de Manaus.

A missa foi bastante animada por cantos e teve um momento sugestivo quando os bispos passaram pela nave da Catedral e acenderam as velas que os fiéis tinham em suas mãos. Com muito entusiasmo, o Cardeal Hummes fez uma homilia centrada no papel da Igreja junto ao povo para reivindicar seu direito de voz. 

Referindo-se aos grandes projetos do Governo que agridem o meio ambiente sem que as populações locais sejam ouvidas, Dom Cláudio lançou o desafio: “Como fazer de Jesus Cristo uma notícia que transforme o coração e as mentes daqueles que impõem estes projetos?”. A resposta, indicou, está no novo tempo de luz e graça para a Igreja que chegou com o Papa Francisco. 

Partindo do desejo do Papa de uma Igreja pobre para os pobres, que abata os muros e chegue às pessoas, o cardeal frisou o significado do verbo “ir”: “É preciso abrir as portas, como faz Jesus, que bate à portas para entrar em nossas vidas e fazer a Ceia conosco. Não há fé sem caridade”, clamou, terminando: “O Papa tem um grande amor pela Amazônia e por vocês!”.

Este tema já havia sido tocado durante a pauta da manhã, no Auditório da Maromba. “A Igreja no Brasil não pode perder a Amazônia” foi a frase do dia. 

Depois do almoço, a programação prosseguiu de forma diferente, com os bispos divididos em grupos de discussões em salas da faculdade de Filosofia e Teologia, situada ao lado do Centro de Estudos.

Dom Leonardo Steiner, Secretário-Geral da CNBB, falou com a RV sobre os trabalhos da tarde desta quarta-feira, 30, e da iniciativa dos participantes de escreverem uma carta de agradecimento ao Pontífice. Para ouvir, clique acima.

De Manaus, Cristiane Murray

Rádio Vaticano 

Jovem brasileiro relata experiência de missão com moradores de rua


A Aliança de Misericórdia é uma Associação privada de fiéis, fundada no Brasil em 2000. Está presente hoje em Portugal, na Polônia, na Bélgica e na Itália, na Sardenha. Um dos projetos realizados pelos missionários é a Pastoral de Rua, por meio da qual é feito um trabalho de evangelização com os moradores de rua. Todos os fins de semana, os missionários saem das casas e vão viver com e como os moradores de rua. Rodrigo Faustino Pereira, de 24 anos, fez esse trabalho por seis meses em Belo Horizonte. Ouça o relato de Rodrigo. 


Texto proveniente da 
Rádio Vaticano 

Haitianos no Brasil se deparam com a "frustração" do salário mínimo


Em julho passado, o Programa Brasileiro contou a situação de miséria em que vivem milhões de haitianos – situação que se agudizou com o terremoto de 2010.

Hoje, nossa enviada a Manaus, Cristiane Murray, conheceu de perto a vida de muitos migrantes que deixaram o Haiti e agora estão no Brasil.

A paróquia de São Geraldo acolhe os haitianos. O pároco, Pe. Valdeci Mayer Molinari, scalabriniano, conta que não há uma única semana sequer em que não se registra o ingresso de migrantes. Devido a esse fluxo, criaram uma creche para que as mães haitianas possam trabalhar. Conseguir um trabalho, aliás, é a meta de cada um deles – um sonho que no Haiti é uma utopia, mas que no Brasil se torna realidade. Porém, nem tudo são flores. Ouça reportagem clicando acima.

(BF)

Rádio Vaticano 

EUA espionou Bergoglio durante o Conclave


A Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos (NSA) espionou as conversas telefônicas na Cidade do Vaticano e também as que ocorreram na residência onde se hospedou o cardeal argentino Jorge Bergoglio (foto), antes do Conclave que o elegeu Papa, segundo o próximo número do semanário italiano “Panorama”.

Segundo o semanário, que cita documentos que teriam sido acessados pelos ex-técnico da CIA, Edward Snowden, entre as 46 milhões de conversas telefônicas que se diz que a NSA interceptou na Itália, muitas delas se localizavam na Cidade do Vaticano.

O semanário “Panorama”, que adiantou uma parte da informação que publicará em seu número à venda na próxima sexta-feira, fala de um período de 10 de dezembro de 2012 a 8 de janeiro de 2013, mas “que se suspeita” que a espionagem continuou após ser conhecido o anúncio da renúncia ao pontificado do papa Bento XVI, que se efetivou no dia 28 de fevereiro.

O semanário de informação geral acrescenta que a espionagem ocorreu durante todo o Conclave para escolher o novo Papa.

EUA nega

A NSA, responsável pela espionagem eletrônica dos EUA, disse nesta quarta-feira que não espionou o Vaticano e considerou falsa a reportagem de uma revista italiana que acusou a agência de ter conduzido a atividade.

"A Agência de Segurança Nacional não alveja o Vaticano. Afirmações de que a NSA alvejou o Vaticano, publicadas na revista italiana Panorama, não são verdadeiras", afirmou a porta-voz da agência, Vanee Vines, em comunicado.

A revista informou nesta quarta-feira que a NSA escutou telefonemas do Vaticano, incluindo possivelmente quando o sucessor do ex-papa Bento 16 estava em discussão, mas a Santa Sé disse que não tinha conhecimento de qualquer atividade.

A Panorama afirmou que entre os 46 milhões de telefonemas acompanhados pela agência na Itália, de 10 de dezembro de 2012 a 08 de janeiro de 2013, estavam conversas de e para o Vaticano.

Em um comunicado à imprensa antes da publicação completa na quinta-feira, a Panorama afirmou que a "NSA grampeou o papa". A publicação não citou nenhuma fonte de suas informações.

Questionado sobre a reportagem, o porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, disse: "Nós não temos conhecimento de nada sobre esta questão e, em todo caso, não temos preocupação com isso."

Reportagens com base em revelações de Edward Snowden, ex-agente de inteligência dos EUA considerado fugitivo em seu país natal e que recebeu asilo na Rússia, disseram que a NSA espionou cidadãos franceses no mesmo período.

Angela Merkel 

Na semana passada, o governo alemão pareceu ter confirmado que o telefone celular da chanceler Angela Merkel foi monitorado por espiões norte-americanos. A questão também tem causado problemas de Washington com Brasil e China.

A Panorama disse que os telefonemas gravados do Vaticano foram catalogados pela NSA em quatro categorias: intenções de liderança, ameaças ao sistema financeiro, objetivos da política externa e direitos humanos.

Bento 16 renunciou em 28 de fevereiro e seu sucessor, o papa Francisco, foi eleito em 13 de março.

"Teme-se" que as chamadas telefônicas tenham sido ouvidas até o início do conclave que elegeu Francisco, o ex-cardeal argentino Jorge Mario Bergoglio, segundo a revista Panorama.

A revista informou que também havia a suspeita de que a residência de Roma, onde alguns cardeais viveram antes do conclave, incluindo o futuro papa, foi monitorada.
Reuters
Dom Total

Próximo passo rumo à cura da Aids

Por Julie Steenhuysen

CHICAGO - Uma poderosa infusão de anticorpos contra o HIV foi capaz de rechaçar um potente vírus que ataca macacos, mantendo-o inativo durante semanas, disseram cientistas dos Estados Unidos, no que pode levar a um novo passo importante na luta contra o vírus humano que causa a Aids.

Dois estudos publicados na quarta-feira na revista Nature - um do governo norte-americano, outro da Universidade Harvard - envolvem o uso de anticorpos raros produzidos por 10 a 20 por cento dos portadores do vírus HIV.
Esse anticorpo é capaz de se "agarrar" a várias cepas do vírus de modo a inviabilizar a contaminação de outras células.
Há cerca de uma década os cientistas tentam sem sucesso replicar esse vírus em laboratório. Nos novos estudos, as equipes testaram o uso desses anticorpos como um potencial tratamento para soropositivos. Ambas as equipes usaram macacos rhesus contaminados com a versão símia do vírus HIV.
Reuters
Dom Total

Cidade norueguesa recebe luz do sol graças a espelhos gigantes

Rjukan (Noruega) - Privada de sol durante metade do ano devido às montanhas que a circundam, a cidade norueguesa de Rjukan inaugurou nesta quarta-feira espelhos gigantes que deverão trazer luz para os sombrios dias de inverno. 

Após certo tempo de espera, alguns tímidos raios de sol iluminaram a praça onde se reuniram centenas de pessoas, com olhos fixos nos três enormes espelhos de pé sobre um cume de 400 metros. 

Localizada em um vale íngreme do sul da Noruega, a pequena cidade de 3.500 habitantes não vê o sol por cerca de seis meses, de setembro a março.

Até que um artista, Martin Andersen, teve a ideia de refletir a luz solar a partir do ponto mais alto da localidade. 

"Uma ideia de 100 anos que se tornou realidade hoje", comemorou o prefeito Steinar Bergsland antes de uma orquestra local cantar "Let the sun shine". 

"Rjukan é um município onde o impossível se torna possível", disse ele. 

Apesar das fortes reservas iniciais sobre o uso de fundos públicos para tal projeto, as cinco milhões de coroas (610.000 €) necessárias para a sua implementação foram finalmente reunida, 80% graças a patrocinadores.

Controlados por computador para acompanhar a trajetória do sol, os três espelhos de 17 m2 cada agora formam uma elipse de luz de cerca de 600 m2, o equivalente a três campos de tênis, na praça do mercado. 

Além de trazer sorriso aos rostos dos habitantes, a cidade de Rjukan, muito procurada por esquiadores, espera que o projeto fortaleça seu apelo turístico. Ela espera ser incluída pela Unesco em 2015 na lista de Patrimônio Mundial, como testemunha da engenharia industrial humana.
AFP
Dom Total

'Eu também tive dúvidas de fé', diz papa Francisco

Apesar dos momentos de desorientação, pontífice convida fieis a confiarem na ajuda de Deus.

Francisco: 'Quem de nós não experimentou inseguranças?'
Por Domenico Agasso Jr.
O amor de Deus queima inclusive os pecados. Se os homens estão unidos, a fé se fortalece. Todos, inclusive o papa Francisco, viveram ou vivem desorientações e dúvidas no caminho da fé. A afirmação é do Pontífice e foi feita durante a audiência geral desta quarta-feira (30) na Praça São Pedro, durante a qual refletiu sobre “uma realidade muito singela da nossa fé, ou seja, a comunhão dos santos”. Francisco recordou que “o Catecismo da Igreja Católica nos recorda que com esta expressão” indicam-se duas realidades: “a comunhão com as coisas santas e a comunhão entre as pessoas santas” (n. 948).
O papa deteve-se sobre o “segundo significado: trata-se de uma das mais consolidadas verdades da nossa fé, porque nos recorda que não estamos sozinhos, mas que existe uma comunhão de vida entre todos os que pertencem à Igreja. Uma comunhão que nasce da fé”. De fato, “o termo ‘santos’ refere-se aos que creem no Senhor Jesus e se incorporaram a Ele na Igreja mediante o Batismo. Por isso, os primeiros cristãos eram chamados de ‘santos’ (cf. At 9,13.32.41; Rm 8,27; 1 Cor 6,1)”.
"O Evangelho de João – continuou – demonstra que, antes da sua Paixão, Jesus rezou ao Pai pela comunhão entre os discípulos com estas palavras: ´Que todos sejam um: assim como tu, Pai, estás em mim e eu em ti, que também eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste´ (17,21). A Igreja – explicou Francisco –, em sua verdade mais profunda, é comunhão com Deus, familiaridade com Deus, comunhão de amor com Cristo e com o Pai no Espírito Santo, que se alarga em uma comunidade fraterna".
É por isso que “esta relação entre Jesus e o Pai é a ´matriz´ do vínculo entre nós cristãos: se estamos intimamente incluídos na ‘matriz’, nesta fornalha ardente de amor que é a Trindade, então podemos nos converter em um só coração e uma só alma, porque o amor de Deus queima os nossos egoísmos, os nossos prejuízos, as nossas divisões interiores e exteriores. O amor de Deus queima inclusive os nossos pecados".

O papa destacou que "se existe esta firmeza na fonte do Amor, que é Deus, então se verifica também o movimento recíproco: dos irmãos a Deus; a experiência da comunhão fraterna me conduz à comunhão com Deus". "Estar unidos entre nós – disse – nos conduz a estar unidos com Deus, a este vínculo com Deus que é nosso Pai. Nossa fé necessita do apoio dos outros, especialmente nos momentos difíceis. E se nós permanecemos unidos, a fé se fortalece. Que bonito é apoiarmo-nos uns aos outros na maravilhosa aventura da fé!". 

O pontífice indicou que existe uma tendência de "fechar-se no privado" que influenciou inclusive "o âmbito religioso. Por esta razão, em muitas ocasiões, custa-nos pedir a ajuda espiritual daqueles que compartilham conosco a experiência cristã". 

"Quem de nós (todos, todos!), quem de nós não experimentou inseguranças, desorientações e inclusive dúvidas no caminho da fé? Todos! Todos experimentamos isto, inclusive eu – revelou. Todos. Faz parte do caminho da fé, faz parte da nossa vida. Tudo isto não nos deve surpreender, porque somos seres humanos, marcados pela fragilidade e pelos limites. Todos somos frágeis, todos temos limites, não se espantem. Todos os temos!"

"No entanto – acrescentou Francisco –, nestes tempos difíceis é necessário confiar na ajuda de Deus, mediante a oração filial e, ao mesmo tempo, é importante encontrar a coragem e a humildade para nos abrir aos outros para pedir ajuda, para pedir uma mão. ‘Dá-me a tua mão, tenho este problema´". O papa se perguntou: "´Quantas vezes fizemos isto?’ E depois conseguimos superar o problema e encontrar a Deus novamente. Nesta comunhão (comunhão que quer dizer ‘comum união’, todos unidos, comum união), nesta comunhão somos uma grande família, todos nós, onde todos os elementos se ajudam e se apóiam entre si”. 

O Bispo de Roma culminou sua audiência geral, reiterando sua preocupação e proximidade com o sofrimento da querida nação iraquiana. O papa Francisco convidou para rezar para que cesse a trágica e constante violência, se impulsione a reconciliação e se afiance a paz: “Ao final da audiência saudarei uma delegação de superintendentes iraquianos, acompanhada pelo cardeal Tauran, Presidente do Pontifício Conselho para o Diálogo Inter-religioso. Convido-os a rezar pela querida nação do Iraque, lamentavelmente atingida, diariamente, pelos trágicos episódios de violência, para que encontre o caminho da reconciliação, da paz, da unidade e da estabilidade”.
Vatican Insider, 30-10-2013.

Francisco: o futuro do mundo

Estamos entregando ao povo de Deus, neste Natal de 2015 e início de 2016, o livro Francisco: o Futuro do Mundo. Nosso objetivo é ...